Seguir

6ix9ine detalha sequestro e garante que não foi um golpe de publicidade

6ix9ine admite ser um troll, mas ele não planejou seu ataque recente.

No último fim de semana, Tekashi 6ix9ine foi vítima de um ataque brutal onde foi agredido com uma pistola, sequestrado e roubado, foram levados quase um milhão de dólares em jóias. Felizmente, a polícia colocou as mãos em vídeos de vigilância de fora da casa do rapper que batem com detalhes da história de 69 para tentar prender os homens que fizeram o crime. O jovem de 22 anos pulou em uma transmissão ao vivo com o TMZ para detalhar sua história e explicar que o ataque não era de forma alguma uma forma de publicidade para sua mais recente faixa com Nicki Minaj, “FEFE”.

Tekashi diz à equipe que ele estava indo para casa após uma gravação de vídeo quando um veículo bateu na traseira de seu veiculo. Dois homens saltaram para fora do carro e se aproximaram do rapper, e depois de ser agredido, ele disse que estava “apagado”.

“Tudo o que vi foi a arma na minha cara e quando acordei eu estava no banco de trás do carro”, diz ele no vídeo abaixo. Ele explica ainda como ele não tinha nada de valor e pediu aos homens que o libertassem para ele ver sua filha “por mais um dia”. Ele se ofereceu para dar aos homens seus pertences pessoais em casa e, antes que percebesse, eles estavam na frente de sua casa.

“Alguém deve ter dito a eles onde eu moro, ou eles me seguiram ou estavam me observando. Então, foi como um trabalho interno”, acrescenta. Ele explica que não montaria um golpe publicitário dessa magnitude.

Veja o vídeo completo abaixo.