7 músicas que todo fã de Rap deve saber quem realmente escreveu

Com as polémicas de ghostwriters no Hip Hop, pensamos que era hora dos fãs descobrirem algumas das maiores canções já escritas no rap.

Quando Meek Mill “revelou” o ghostwriter de Drake (co-escritor), isso ressuscitou o antigo debate sobre a ghostwriting. O debate se intensificou depois que os fãs ouviram uma faixa de referência para “10 Bands” de Drake com a voz de um rapper de Atlanta chamado Quentin Miller. Os fãs de Drake tinham mais perguntas do que respostas.

Miller supostamente escreveu o hino de Drake em Toronto, “Know Yourself”. Embora ele tenha negado ter sido ghostwriter de Drake, ele deu a entender que eles “colaboraram” nas canções. A realidade é que ghostwriter ainda é um tabu no hip-hop . No entanto, algumas das canções de rap mais populares ao longo dos anos não teriam sido possíveis sem os ghostwriters.

Em homenagem a esses artistas, veja algumas canções de rap que você conhece e os ghostwriters por trás delas. Confira a lista abaixo.

Faixa: “Boyz N Da Hood”
Artista: Eazy-E
Ghostwriter: Ice Cube (Creditado)

Originalmente destinada aos colegas da Ruthless Records, H.B.O., Ice Cube escreveu “Boyz N Da Hood” e foi uma das muitas faixas que Cube escreveu para Eazy E. Como sua estreia solo e uma de suas performances individuais de destaque, a música é uma peça importante no legado do rapper, influenciando The Red Hot Chilli Peppers, Jim Jones, UGK e Yelawolf.

Faixa: “Still D.R.E.”
Artista: Dr. Dre
Ghostwriter: Jay Z (Creditado)

O quase impecável segundo álbum de estúdio de Dr. Dre precisava ser a prova de que Dre estava de volta depois de uma longa espera desde 1992 – ele conseguiu isso com “Still DRE”. O álbum 2001 trouxe de volta a era clássica do G-Funk, talvez pela última vez no mainstream.

Nem Snoop nem Dre têm créditos de escritor nessa música; A totalidade do crédito é dada a JAY-Z, um familiar nova-iorquino cujo primeiro álbum estreou apenas três anos antes. Dominando o show na Costa Oeste e Leste, foi um grande feito para um dos maiores compositores da história do Rap.

 

Faixa: “Gettin ‘Jiggy With It”
Artista: Will Smith
Ghostwriter: Nas (Sem créditos)

Enquanto Will Smith levou seus talentos para o mundo do entretenimento visual com fenômenos como Homen de Preto e Um Maluco No Pedaço, a sua carreira no rap é muitas vezes esquecida. “Getting Jiggy With It” foi o terceiro single do álbum Big Willie Style, de Smith, em 1997, e pode ter incluído um pouco do estilo de Nas também. Nas finalmente falou sobre o rumor em 2014.

“Tudo bem, vamos esclarecer isso de uma vez por todas. Eu fui com Will para o estúdio. E assisti ele escrever isto. Foi uma sessão de estúdio divertida, e eu disse uma linha ou duas, ou três para ele. Não foi tão sério. Will Smith escreveu essa música. Mas sério, eu o vi se divertir fazendo esse som por conta própria, e Will é um verdadeiro MC.”

Faixa: “Nuthin’ but a ‘G’ Thang”
Artista: Dr.Dre
Ghostwriter: The D.O.C. (Creditado)

Mesmo perdendo a voz em um acidente de carro quase fatal em 1989, DOC não ficou de fora do jogo. Enquanto morava com Snoop e Warren G no ano seguinte, o MC de Dallas escreveu sua faixa mais famosa para Dr Dre intitulada “Nuthin’ but a ‘G’ Thang”. Ele até mesmo mandou um salve para ele mesmo na letra.

Faixa: “Rapper’s Delight”
Artista: Sugarhill Gang
Ghostwriter: Grandmaster Caz (não creditado)

Ghostwriter pode remontar a 1979 e uma loja de pizza de Nova Jersey. Conforme o Grandmaster Caz, seu então gerente Big Bank Hank roubou a letra do hit de sucesso do The Sugarhill Gang, “Rapper’s Delight”. Ele faz um caso bastante sólido, considerando que Hank se referiu a si mesmo como o alter-ego de Caz, Casanova Fly:  “I’m the C-A-S-N the O-V-A and the rest is F-L-Y.”

Faixa: “The Message”
Artista: Dr Dre
Ghostwriter: Royce Da 5’9 (creditado)

Originalmente escrito sobre o amigo de Royce que foi baleado no pescoço em seu bairro, Dre supostamente ouviu a faixa no estúdio e imediatamente pensou em seu recém-falecido meio-irmão Tyree. Royce nem sabia sobre o irmão de Dre até depois de ter escrito a música. O resto, como dizem, é história.

Faixa: “I’ll Be Missing You”
Artista: Diddy
Ghostwriter: Sauce Money (creditado)

A segunda canção tributo para a lista, é uma homenagem de Puff Daddy para o falecido Notorious B.I.G. Escrito por um membro da crew de JAY-Z, Sauce Money, a música realmente ganhou um Grammy e está atualmente classificada no top 100 maiores canções de todos os tempos de acordo com a Billboard. Alguns rumores dizem que Jay teria escrito a faixa, mas isso nunca foi confirmado.

Sair da versão mobile