Chris Rock brinca que só irá comentar tapa que recebeu de Will Smith no Oscar, caso seja pago

Capa Chris Rock

Foto: A.M.P.A.S. / via REUTERS

Chris Rock disse que só falará caso seja pago em sua apresentação

Chris Rock brincou dizendo que finalmente “recuperou a audição do tapa que recebeu de Will Smith no Oscar. Ele fez a piada durante um stand-up no Fantasy Springs Resort Casino, no Coachella Valley, na Califórnia, segundo o site TMZ. Rock recebeu um tapa de Will Smith enquanto hospedava a cerimônia do Oscar de 2022. Recentemente, Chris disse ao público que ele precisa de uma bolsa de dinheiro antes de falar sobre o assunto.

“Estou bem, tenho um show inteiro, e não vou falar sobre isso até ser pago. A vida é boa. Finalmente recuperei minha audição”, disse ele à multidão em seu show de stand-up. Will Smith foi oficialmente banido do Oscar por 10 anos após dar o tapa em Chris Rock, mas nenhuma das partes necessariamente falou em detalhes sobre o incidente. Rock não parou de fazer turnê por causa do acontecimento, embora ele não tenha necessariamente abordado isso também.

Foto: reprodução

Will aceitou a decisão de bani-lo e ainda disse que “aceita e respeita” em um comunicado. O ator de “King Richard” pediu desculpas por suas ações, na semana passada. “Minhas ações na apresentação do 94º Oscar foram chocantes, dolorosas e imperdoáveis”, disse ele na época. “A lista daqueles que machuquei é longa e inclui Chris, sua família, muitos dos meus queridos amigos e entes queridos, todos os presentes e o público global em casa”.

Além disso, a Academia do Oscar está enfrentando críticas após banir Will Smith e não ‘fazer nada’ contra Harvey Weinstein e Roman Polanski. “A mesma Academia levou 40 anos para banir Roman Polanski depois que ele foi condenado por estuprar uma criança”. Polanski ganhou a premiação de Melhor Diretor em 2003 por “O Pianista”, 26 anos depois de ter sido preso e acusado de seis crimes contra uma menina de 13 anos em Los Angeles, incluindo relações sexuais ilegais com um menor e estupro por uso de drogas.

Nem ele, nem Weinstein – que foi condenado a 23 anos de prisão em Nova York depois de ser considerado culpado de ato sexual criminoso em primeiro grau e estupro em terceiro grau, e que foi acusado por dezenas de mulheres de agressão sexual – tiveram seus prêmios da Academia retirados, um usuário do Twitter apontou​​​​​​. Smith não foi convidado a devolver seu prêmio.

Sair da versão mobile