Faxineira de Chris Brown processa cantor após irmã ter sido atacada por cachorro do artista

A irmã da mulher ferida, que também é sua governanta, é outra que está processando Brown

Problemas legais estão surgindo no caminho do cantor Chris Brown depois que uma funcionária afirma que ela foi ferida pelo cachorro do cantor. Brown tem se escondido ultimamente enquanto trabalha em seus projetos e aproveita a vida como pai de dois filhos, mas está sendo relatado que ele foi processado por sua faxineira. Uma mulher chamada Patricia Avila está processando o cantor por causa de um incidente que aconteceu com sua irmã envolvendo os cães de Brown. Avila diz que ela e sua irmã foram contratadas para limpar a casa de Brown em Tarzana, Califórnia. De acordo com o TMZ, elas trabalhavam duas vezes por semana e recebiam US $ 600 por dia.

Avila afirma que eles sabiam que Brown tinha cães, mas sempre que eles estavam na propriedade, os animais eram mantidos afastados. Um dos filhotes, um grande Pastor-do-cáucaso, teria ganhado acesso ao quintal e teria atacado a irmã de Avila enquanto ela esvaziava um aspirador. Avila alega que o cachorro atacou sua irmã, “arrancando de 7 a 10 centímetros de pele de seu braço”, além de morder seu rosto e sua perna.

Brown teria estado no local e foi a pessoa a pedir ajuda. “Avila disse que pensou que sua irmã fosse morrer por causa da perda de sangue”, relata a agência. A mulher foi tratada em um hospital e teria de ser submetida a uma cirurgia. É onde as coisas começam a ficar interessantes; Avila, que não ficou ferida durante o alegado incidente, está processando Brown porque ela afirma que a provação a fez sentir ansiedade severa e ataques de pânico”. Não  está claro quais danos ela está buscando e se sua irmã entrará com uma ação judicial.