Giannis Antetokounmpo se recusa a ser chamado de novo rosto da NBA

Capa Giannis Antetokounmpo

Foto: Reprodução

Líder de uma das equipes mais promissoras, Giannis Antetokounmpo, nomeou outros nomes para o rosto NBA.

Giannis Antetokounmpo tem sido fenomenal nos últimos anos. Ele ganhou MVPs consecutivos apenas alguns anos atrás e, a partir daí, ganhou um título da NBA com o Milwaukee Bucks. Liderar sozinho uma equipe de não é tarefa fácil, mas Giannis conseguiu. Este ano, o atleta continuou a jogar como um MVP, e aos olhos de muitos, ele e os Bucks são realmente os favoritos para ganhar um título.

Com o Golden State Warriors não ganhando nenhum jogo fora de casa, e times de toda a liga mostrando fraqueza, o Bucks continua sendo um dos favoritos ao título. Segundo algumas pessoas, Giannis deveria ser visto como o rosto da NBA. Afinal, ele é o melhor jogador da liga e tem demonstrado uma determinação tremenda. Neste ponto, é difícil dizer que ele não é a cara da competição.

Foto: Stacy Revere / AF´P

Bem, se você perguntasse ao próprio Giannis, ele lhe daria a resposta humilde. Ao falar com Serge Ibaka em “How Hungry Are You?” Giannis Antetokounmpo  afirmou que pessoas como LeBron James e Kevin Durant são os verdadeiros rostos da NBA no momento. “LeBron é”, disse ele. “LeBron ainda está jogando. Steph acabou de ganhar um campeonato, KD ainda está jogando. A voracidade de Embiid. MVP consecutivo de Jokic. Tem muita gente por aí”.

Giannis Antetokounmpo tem sido muito consistente quando se trata deste tópico. Ele até disse que, uma vez que sua carreira acabou. Antetokounmpo nunca se interessou em ser o rosto de nada, e sua recusa em fazer projetos como o Space Jam é uma prova disso.

No caso de LeBron James, ele está no aguardo de se aposentar jogando ao lado de seu filho e mesmo machucado atualmente, seu nível de jogabilidade sempre foi muito alto. James esteve nas manchetes nas últimas semanas, após revelar o interesse de comprar um time caso a NBA se expanda para Las Vegas.

Confira abaixo o vídeo no YouTube:

Sair da versão mobile