Igor 3K fala sobre convidados que pediram para tirar entrevistas com o Flow no Youtube

capa igor 3k

Reprodução

Igor ficou reclamando da ingratidão de certas pessoas

Igor 3K, um dos fundadores do Flow Podcast, que na semana passada disse ter reduzido 90% de seu salário após a polêmica com Monark, a fim de evitar a demissão dos funcionários do podcast, contou que há cerca de duas semanas o “Flow” está desmonetizado pelo YouTube, além do fato de que a plataforma teria diminuído o alcance do canal.

“Teve uns caras que, eu acho escroto ainda, mas pelo menos foram gente boa de mandar para mim no privado, mas teve uma galera que soltou na internet. Parecia uma reação em cadeia”, comentou Igor no canal do “Flow”, que deixou de ter os vídeos monetizados pelo YouTube por conta de toda essa situação das falas do ex- companheiro de trabalho.

“Tinha uma galera que eu considerava amigo e estava falando  muita merda. Eu entendo toda a treta, mas [pensa que] a gente está no programa e não falei nenhuma merda absurda, aí daqui 20 programas eu falo uma merda absurda e você vai [pedir para] tirar o programa [antigo do ar]? Qual o sentido?”, questionou. Igor também falou que após a punição do YouTube, os vídeos do canal passaram a ter um baixo alcance.

“Tem muita gente que curte o ‘Flow’ e não está mais recebendo notificação, não existe mais isso porque a gente está desmonetizado e, apesar de o YouTube dizer que não, isso afeta muito o alcance. As pessoas nem sabem que a gente está ao vivo.”

O “Flow” perdeu patrocinadores e deixou de ser monetizado pelo YouTube após Monark, que assim como Igor apresentava e era um dos sócio-fundadores do podcast, defendeu a criação de um partido nazista que fosse reconhecido por lei.

Sair da versão mobile