Seguir

J. Cole pede desculpas por diss contra Kendrick Lamar

CAPA J Cole e Kendrick CAPA J Cole e Kendrick

J Cole admitiu que se arrepende de ter insultado Kendrick Lamar enquanto se apresentava no Dreamville Festival no Dorothea Dix Park na noite de domingo. O rapper pegou um momento para fazer uma pausa durante sua apresentação como atração principal para falar sobre o assunto

Cole começou explicando o quão orgulhoso ele está do trabalho que colocou em sua nova mixtape, Might Delete Later, mas revelou que a música de encerramento, “ 7 Minute Drill ”, não combina com ele.

“Estou muito orgulhoso desse projeto, exceto por uma parte”, disse Cole. “Há uma parte dessa merda que me faz sentir como, ‘Cara, essa é a merda mais idiota que já fiz na porra da minha vida’. E eu sei que isso não é o que muitas pessoas querem ouvir. Posso ouvir meus manos lá em cima agora dizendo ‘Nah, não faça isso.’ Mas, eu tenho que manter isso com vocês. Quase tive uma recaída.” A partir daí, ele admitiu que é “abençoado” por conhecer Drake e Lamar.

“Eu me senti em conflito porque pensei, mano, eu sei que realmente não sinto nada (sobre a diss)”, continuou Cole. “Mas o mundo quer ver sangue… então eu digo tudo isso para dizer, no meu espírito de tentar divulgar essa música, eu me movi de uma forma que espiritualmente me faz mal.

“tentei mantê-lo amigável. Mas no final do dia, quando eu ouço e quando sai e vejo a conversa, essa merda não combina bem com o meu espírito. Isso perturba a porra da minha paz. Então eu quero dizer esta noite, no meio de mim fazendo isso, e nessa merda, tentando encontrar um pequeno ângulo e minimizar a porra do catálogo desse cara e sua grandeza… Quero dizer aqui mesmo esta noite, quantas pessoas acham que Kendrick Lamar é um dos maiores filhos da puta que já tocou em um microfone? Dreamville, vocês amam Kendrick Lamar, correto?

Confira abaixo o discurso completo.