Kanye West aparece com modelo brasileira Juliana Nalu em Los Angeles

Juliana Nalú já havia sido bastante elogiada pelo rapper no último mês

A modelo Juliana Nalú apareceu na noite de ontem (10) ao lado do astro da rap internacional Kanye West. Ambos estavam com o boné escrito “2024”, sugerindo a campanha eleitoral do lendário artista, segundo o site Page Six, os dois foram jantar e depois entraram em um armazém de roupas. A conexão entre o rapper e a brasileira começou neste ano, quando ela foi notada por Kanye West em uma festa também em Los Angeles. O rapper a parou para elogiar sua roupa e logo após pegou o contato de Nalú. “O Kanye acabou de me parar na festa para elogiar o meu look”, contou ela pelo Twitter.

No fim do mês passado, Nalú publicou uma foto de um print do astro americano Kanye West onde ela revela que atualmente é uma das novas estrelas da campanha do yzy shdz. Através do Twitter, uma fã exaltou a modelo. “Com insônia olhando stories do Kanye West com fotos do Yeezy SHDZ e de repente: JULIANA NALU Olhei várias vezes até acreditar pq simplesmente tá entre Anna Wintour, Offset, Kim Kardashian e por aí vai”, falou.

capa Juliana nalu e kanye west

Sua carreira de modelo começou aos 14 anos, após vencer um concurso. Depois de alguns anos, se formou em artes cênicas e decidiu trabalhar nos Estados Unidos. Por lá, ela já gravou alguns clipes de artistas grandes. Entre eles, está o videoclipe da música “Heat”, de Chris Brown, com quem também já teria se relacionado.

Ela também estrelou a nova publicidade da “Skims” – grife de underwear de Kim Kardashian. A sessão de fotos aconteceu recentemente em Los Angeles, onde a brasileira é radicada desde 2016, após ser revelada por um concurso de modelos. As imagens acabam de ser lançadas mundialmente.

Em entrevista para a Vogue, ela falou sobre a época em que fazia trabalhos no Brasil e participou do último episódio da novela Segundo Sol, em 2018. “Tenho muita gratidão por tudo que vivi e o que aprendi nesse caminho. Tenho muito orgulho de ter vindo de uma comunidade. Aqui fora, quando me conhecem e perguntam de onde eu sou, eu já falo cheia de orgulho: ‘I’m from the favela!’. Com a boca cheia, porque é assim que a gente vai mudar esse estereótipo de que vir da favela é uma coisa ruim”, completou.

Confira o post abaixo:

Botão Voltar ao topo