Kanye West faz piada com Kid Cudi depois que rapper terminou show por receber garrafada

Capa kid cudi e kanye west

(Photo by Kevin Mazur/Getty Images for Sean Combs)

Pete Davidson foi o motivo pelo qual Kanye West citou Kid Cudi.

A briga entre ex-amigos e colaboradores Kanye West e Kid Cudi tomou outro rumo na segunda-feira, quando West fez uma piada com seu antigo amigo como parte de uma elaborada zoação sobre Pete Davidson, que, segundo relatos, terminou seu relacionamento com a ex-esposa de West. Kim Kardashian.

A história na verdade veio de um subtítulo de uma capa simulada do New York Times que é apenas o mais recente comportamento público abusivo de West em relação a Davidson e Kardashian, que varia de ameaças verbais a piadas elaboradas, como Kanye ameaçando matar Pete no vídeo de sua música com The Game, “Eazy”. Sua última “brincadeira” veio na forma de uma manchete falsa que dizia “Skete Davidson morto aos 28 anos” (“Skete” sendo seu apelido para Pete Davidson), com a legenda baixo: “Kid Cudi pretendia cantar no funeral mas, ficou com medo de atiradores de garrafas”.

Foto: GETTY IMAGES

A menção a Cudi se refere a um incidente de 22 de julho durante o set do rapper no Rolling Loud Festival, onde West estava originalmente programado para ser a atração principal, mas repentinamente desistiu alguns dias antes do evento. Kid, com quem já estava brigando, tomou seu lugar, mas interrompeu seu set logo depois de apenas quatro músicas depois de ser atingido com garrafas de água.

Kid Cudi estava tocando a quarta música de seu set, “REVOFEV”, quando o que parecia ser uma garrafa jogada da multidão o atingiu em cheio no rosto. Se eu for atingido por mais uma porr* de coisa, se eu ver mais uma merda de coisa nessa porr* de palco, eu vou embora. Não brinque comigo”, disse ele em um vídeo enquanto sua banda continuava tocando ao fundo. O rapper irado ficou lá, mas por um breve momento antes de outra pessoa jogar uma garrafa. Então, Cudi saiu”.

Ironicamente, Kanye West havia se apresentado no festival Rolling Loud depois de tudo, aparecendo durante o set de Lil Durk, na noite anterior à sua programação original. A dupla tocou “Hot Shit”, a nova música de Cardi B na qual ambos artistas participam, bem como o clássico de West “Father Stretch My Hands Pt. 1”. Notavelmente, a última música apresenta a participação de Cudi.

A briga, que remonta pelo menos ao início deste ano, parece ser devido à amizade de Cudi com Davidson. Naquele mês, Kid Cudi anunciou no Twitter que uma faixa do próximo álbum de Pusha T, “It’s Almost Dry”, seria sua última música com West. Kid e Kanye tiveram um desentendimento público depois que Ye removeu as contribuições do rapper em seu lançamento “Donda 2”. Kanye West co-produziu com Pharrell a nova música de Pusha em que Cudi aparece.

“Ei! Então eu sei que alguns de vocês ouviram sobre a música que eu peguei [com] Pusha”, escreveu Cudi em sua página no Twitter. “Eu fiz essa música há um ano, quando ainda era legal [com] Kanye. Eu não sou legal [com] aquele homem. Ele não é meu amigo e eu só liberei a música para Pusha [porque] esse é o meu cara. Esta é a última música que você vai me ouvir [com] Kanye”.

Sair da versão mobile