Mike Tyson lembra quando Tupac o visitou na cadeia e foi aplaudido pelos detentos

Capa Mike Tyson e Tupac

Foto: Divulgação

Em uma entrevista recente, Mike Tyson falou sobre algumas das lendas do rap que o visitaram na prisão.

Não há dúvida de que Mike Tyson tem amigos em lugares altos. Nos últimos dois meses, ele disputou uma queda de braço contra The Game, saiu com Ric Flair e Rick Ross em uma conferência sobre maconha, e ele e Snoop Dogg conversaram sobre seu amor mútuo pela erva. Acontece que Tyson teve muitos de seus amigos famosos que o visitaram quando ele estava na prisão.

Em uma entrevista recente ao Drink Champs, o lendário boxeador listou grandes nomes que o visitaram durante seus três anos de encarceramento. De acordo com Tyson, ninguém recebeu uma recepção mais calorosa de seus companheiros de prisão do que Tupac. O rapper visitou Mike no início do período de 1992-1995 do boxeador em uma prisão de Indiana, e ao entrar na instalação foi demonstrado um grande respeito de seus ocupantes.

Foto: JC Olivera/Getty Images

“Uma vez que ele entrou na sala de visitas – e haviam todos aqueles caras, todo mundo começou a aplaudir”, lembrou Tyson. “Eles o respeitavam, assim que ele entrou na sala, começaram a bater palmas”. Mike Tyson e Tupac se conheceram seis meses antes da prisão de Tyson em 1992. O jovem rapper estava esperando do lado de fora de uma festa no Hollywood Palladium, e Mike o convidou para entrar. Aparentemente, o artista não esqueceu o gesto gentil. Ao cumprir pena, o ex boxeador recebeu uma ligação inesperada.

“É a mãe de 2Pac”, ele lembrou. “Ela explicou como me conheceu a partir de seu filho. Revelou que eu o conheci em um clube uma noite e que ele queria ir me visitar. Eu disse ótimo, OK”. Tupac foi um dos muitos visitantes de Tyson. “Eu tinha todo mundo. BB King, James Brown, Whitney HoustonFlorence Henderson. Todo mundo foi me ver”, afirmou o boxeador. “Eu não posso nem nomear todos eles. Tantas pessoas foram me visitar”.

Confira abaixo o vídeo da entrevista no YouTube:

Sair da versão mobile