Rapper 21 Savage pede arquivamento de processo que o colocou na prisão em 2019 por falta do visto americano

Capa 21 Savage

Foto: John Lamparski / WireImage

21 Savage alega que foi parado ilegalmente em fevereiro de 2019.

Já se passaram mais de três anos e meio desde que 21 Savage foi preso em 2019 depois de ser parado no trânsito pela polícia e detido por estar com seu visto americano vencido, mas o jovem de 29 anos ainda está lutando para limpar seu nome. Meses se passaram desde que ouvimos qualquer atualização sobre o caso (no início deste verão americano, o hitmaker “Bank Account” revelou como Meek Mill e JAY-Z ajudaram a libertá-lo da custódia), mas novos documentos obtidos pelo TMZ revelam que 21 tem esperança de ter o seu processo criminal encerrado.

O artista de Atlanta e seus advogados alegam que os policiais não tinham o direito de detê-lo em primeiro lugar, pois ele não estava fazendo nada de errado, declarando a parada de tráfego do rapper como “ilegal” em seus registros. As autoridades alegaram que Savage jogou codeína e suas chaves para fora do carro quando ele estava sendo parado. Ao mesmo tempo, eles encontraram uma arma de fogo em seu veículo, ao que o rapper respondeu: “não havia ilegalidade para a arma estar no carro”.

Foto: Dia Dipasupil/Getty Images

Apesar dos argumentos do hitmaker de “Savage Mode”, ele ainda foi acusado de porte de drogas e armas e continua enfrentando deportação de volta para sua terra natal no Reino Unido. Por causa das acusações feitas contra ele, 21 Savage foi impedido de deixar o país, tornando muito mais difícil do que o normal fazer turnês e se apresentar no exterior.

Felizmente, ele conseguiu ir a vários festivais nos últimos meses, subindo ao palco tanto no Rolling Loud quanto no Breakaway, e sem mencionar a impressionante lista de colaborações que ele participou recentemente com artistas como DJ Khaled, Madmarcc, Calvin Harris, YG, Tyga, BIA, Drake, Pharrell Williams, Tyler, The Creator, e mais.

Em notícias relacionadas, fãs pediram que 21 Savage fosse Rei da Inglaterra após morte da Rainha Elizabeth II. Eu nomeio Sir Savage o 21º como o novo monarca da Inglaterra após a morte da rainha”, escreveu @ralfafterdark. “21 SAVAGE PARA REI”, escreveu o político canadense aposentado Norm Kelly.

Sair da versão mobile