Rapper Young Thug enfrenta novas acusações relacionadas a gangue, drogas e armas

capa young thug

Reprodução

O rapper Young Thug recebeu uma nova acusação que também cita Yak Gotti.

O caso contra Young Thug já deixou seus fãs preocupados, mas um novo relatório da WSBTV sugere que o rapper está enfrentando ainda mais problemas legais. Temos relatado constantemente sobre o caso RICO envolvendo Thugger, Gunna e duas dúzias de outros nomes que os promotores alegaram estar em uma gangue com os rappers. As autoridades alegaram que o grupo era responsável por roubos, agressões e até assassinato e, em relatórios, eles nomearam Young Thug como um suposto líder que estava fazendo ligações nas ruas.

Enquanto isso, Young Thug e Gunna negaram veementemente as acusações contra eles, e suas equipes jurídicas estão determinadas a provar sua inocência. Como os rappers permanecem encarcerados após terem sido negados a fiança, o Gabinete do Procurador Distrital do Condado de Fulton apresentou uma nova acusação.

Foto: Reprodução

Young Thug está enfrentando acusações, incluindo atividade criminosa de gangues de rua e conspiração, mas essa nova acusação supostamente “inclui todos os 28 réus da acusação de maio e ainda se concentra na YSL, uma organização supostamente fundada por Williams e outros dois”. No entanto, as novas acusações são apenas contra Thugger e quatro réus.

O rapper “agora enfrenta uma nova acusação de gangue, novas acusações de drogas, posse de arma de fogo durante o cometimento de um crime e posse de metralhadora”, informou a WSBTV . Dois outros réus – sendo um deles Yak Gotti – também é um dos nomes que estão na nova acusação. O advogado de Yak Gotti afirmou que o rapper é um artista, “não um criminoso”.

Sair da versão mobile