Em janeiro, um estudo mostrou uma flagrante falta de representação de artistas femininas na música popular de hoje.

Em apoio ao Dia Internacional da Mulher, o Spotify lançou com apoio da Smirnoff uma nova ferramenta que mostra a quebra de gênero dos artistas que você ouve. Em seguida, cria uma lista de reprodução “equilibrada” com sugestões de artistas para verificar se você está procurando uma divisão de gênero mais uniforme em suas listas de reprodução. A ideia é que a indústria não está expondo adequadamente artistas femininas a ouvintes que desejam ouvir sua música, e essa ferramenta pode ajudar a mudar o desequilíbrio para as pessoas experimentarem essas artistas. Não é perfeito, mas é um começo.

“Em 2017, todas as dez faixas do TOP 10 das musicas mais ouvidas em nossa plataforma foramfeitas por artistas masculinos”, diz Tim Ganss, do Spotify. “Isso realmente não representa adequadamente o trabalho fantástico feito por artistas femininas, particularmente em 2017 – um ano incrível para as mulheres na música”.

Você pode usar a ferramenta aqui e assistir o vídeo do Spotify sobre a nova extensão abaixo.