Travis Scott é processado por seguranças do festival Astroworld

Dois guardas de segurança do Astroworld Festival entraram com um processo contra Travis Scott e Live Nation

Após a tragédia no Astroworld Festival, dezenas de processos judiciais estão se voltando contra Travis Scott. O rapper está enfrentando bilhões de dólares em ações judiciais por parte dos familiares dos falecidos e fãs que foram feridos no incidente. De acordo com o TMZ, dois seguranças do Astroworld Fest entraram com um processo contra Travis Scott, Live Nation e outras empresas depois de alegar que tiveram que carregar um corpo sem vida durante o descontrole da multidão.

Samuel e Jackson Bush deram entrada com os documentos necessários no tribunal, onde expuseram os detalhes de seu processo. Eles disseram que foram contratados por AJ Melino e associações para trabalhar na segurança do festival, que teria 50.000 espectadores. No final das contas, uma multidão maior acabou comparecendo ao festival, criando circunstâncias caóticas para a segurança.

Samuel e Jackson Bush disseram que sofreram lesões mentais e físicas por trabalharem no evento, incluindo a experiência traumatizante de tirar uma pessoa da multidão, que acabou morrendo. Os demandantes estão buscando US$1 milhão por danos, listando Travis Scott, Live Nation, AJ Melino, Cactus Jack Records e outros em seu processo.

A ação mais recente soma mais de 30 outros processos que foram movidos contra o rapper de Houston desde a tragédia no início deste mês. Continuaremos a mantê-lo informado sobre mais informações sobre o Astroworld Festival.

Sair da versão mobile