Um ano após morte de MC Kevin, Deolane Bezerra publica carta e abre o coração

Deolane sempre vem demostrando seu carinho pelo cantor que se foi cedo demais

Ontem (16), completou 1 ano da morte do Mc Kevin. O cantor se desequilibrou e caiu de um prédio na Barra da Tijuca (RJ), sendo resgatado pelo Corpo de Bombeiros e morrendo logo depois. Ele estava no Rio porque tinha feito um show em uma boate em Vila Valqueire, na Zona Oeste. Poucas semanas antes, o funkeiro tinha se casado com Deolane Bezerra.

Deolane escreveu uma carta aberta sobre o funkeiro e destacou a importância dele em sua vida. “1 ano…. 12 meses… 52 semanas… 365 dias… e ainda parece que foi ontem!!! Dia 16 de maio de 2021 as 18:10 eu recebi uma das piores notícias da minha vida! Kevin foi e sempre será o MENINO que mudou a minha vida em todos os sentidos e vou ser eternamente grata por isso, ELE me ensinou que devemos amar e nos doar na mesma proporção que devemos respeitar os nosso limites, o nosso sexto sentido e os avisos vindos do céu pelo Nosso Querido e Amado Deus”, disse em uma parte da carta aberta.


Em uma entrevista, ela contou o que fez para driblar a depressão. Inicialmente, ela relatou que não se permitiu chorar por muito tempo, o que chocou os internautas. A advogada, DJ e cantora revelou que foi às lágrimas somente por três dias e que se permitiu sofrer intensamente nesse período.

“O luto tem suas fases. Existem momentos que a gente se pega pensando e vê que aquela dor se transformou em saudade. Hoje já consigo lembrar de algumas coisas que o Kevin fazia e dou risada. Eu passei 1 ano da minha vida, 365 dias, e tenho certeza que orei todos esses dias”, disse Deolane.

“Tive que lidar com a palavra interesseira constantemente. Tive que ouvir que eu estava vivendo de uma fortuna que o Kevin tinha deixado. Somente mentiras. Nunca aceitei traições. Perdoei o Kevin porque coloquei na minha cabeça o que ele falou. Que a vida dele era de artista. Mas já traí também, viu? Traí e por vingança, é horrível. Me senti a pior pessoa”, finalizou.

Confira o post abaixo:

Sair da versão mobile