Rapper YG Rasga contrato e perde $60,000 para performar “F*ck Donald Trump”

Se você está ligado no mundo do Rap, você já sabe que YG não é exatamente um fã do Presidente Trump. O que você não deve saber é que ele está disposto a perder $ 60.000, a fim de golpear o novo presidente em qualquer lugar que lhe agrada.

Na sexta-feira passada, YG estava performando um concerto no GreenFest anual da Universidade Estadual de San Diego – que é um festival destinado a “incentivar, comemorar e defender a sustentabilidade, o Orgulho do SDSU e a diversidade” – quando ele quebrou seu contrato de $ 60.000 com a escola para performar sua música incendiária anti-Trump “FDT”.

A faixa, que foi lançado na primavera passada, encontra YG e Nipsey Hussle criticando Trump por ações que julgaram prejudiciais. A canção tornou-se espécie de um hino contra Trump, que era, na época, apenas um candidato presidencial. Agora, a coisa obviamente mudou.

Em outras notícias relacionadas , o rapper apareceu recentemente em “GucciOnMy”, um mega-banger produzido por Mike WiLL Made-It. A faixa, que está definida para aparecer no próximo projeto do produtor da Geórgia Ransom 2, apresenta YG, Migos, e 21 Savage.

 

Confira um trecho da performance de “FDT” abaixo:

Sair da versão mobile