Alicia Keys teve que refazer seus vocais após pedido de Jay-Z.

A cantora de Nova York, Alicia Keys, fez um grande refrão na faixa “Empire State Of Mind” de JAY-Z, fazendo com que o rapper ganhasse seu primeiro hit n° 1M como um artista principal na Billboard Hot 100, mas a colaboração teve alguns obstáculos ao longo do caminho. Em uma entrevista com Ebro Darden , do Beats 1, a cantora de Nova York falou sobre como quase perdeu a oportunidade e acrescentou que também precisava regravar seus vocais na faixa.

Enquanto discutia seu novo livro, More Myself: A Journey , Keys lembrou-se de Jay tendo problemas para contatá-la. “É uma loucura quando você olha para trás e vê como as coisas vêm ao mundo”, disse ela. “Inicialmente, por um minuto, nem sequer iria se reunir com ele, porque ele não conseguia me encontrar. Ele não podia entrar em contato comigo por qualquer motivo na época. Pessoas diferentes no meio e a coisa toda… Imagine que essa música quase não aconteceu. ”

Ela continuou compartilhando por que seus vocais não estavam à altura no início. “Na verdade, eu gravei em Los Angeles e acho que esse era o problema”, disse Keys a Darden. “Você não deveria gravar uma música sobre Nova York em Los Angeles. Além disso, eu estava doente. Um pouco doente, não muito. Eu ainda podia cantar, então fiz isso novamente”.

Quando Jay ouviu a gravação, o rapper foi colocado na posição estranha de pedir a Keys que refizesse seus vocais. “Ele me liga de volta falando ‘Você poderia cantar de novo?’ E eu fiquei tipo, ‘O que?’ ”Keys disse, acrescentando que ele pediu a ela para colocar algumas improvisações. “Fiquei um pouco envergonhada… Mas, isso meio que foi necessário. ”

“Empire State of Mind” tinha uma história histórica antes mesmo de chegar a Keys. A canção foi originalmente escrita por Angela Hunte e Janet Sewell-Ulepic, que a enviaram ao selo de Jay Roc Nation. O rapper manteve o ritmo e gravou a música com seus próprios versos antes de decidir quem deveria substituir os vocais de Hunte no refrão.

Como Jay compartilhou o livreto para sua compilação de maiores sucessos de 2010 , ele originalmente considerou recrutar Mary J. Blige para o refrão da música vencedora do Grammy. “Eu estava a dois segundos de ligar para Mary, mas o toque do piano continuava me atingindo, e eu fiquei tipo ‘Essa é da Alicia’”, ele escreveu.

“Empire State of Mind” passou cinco semanas consecutivas em primeiro lugar no Hot 100 e ganhou Grammys por Melhor Canção de Rap e Melhor Colaboração Rap / Sung. Tornou-se um hino para o New York Yankees durante o playoff de 2009. Jay e Keys o apresentaram antes do jogo 2 da World Series, que a equipe ganhou mais tarde.