Billie Eilish acabou deixando de seguir todos nas redes sociais.

Billie Eilish parece ter cumprido uma promessa que fez recentemente aos seus seguidores do Instagram. A jovem estrela não tem vergonha de defender suas crenças, seja usando as roupas que quer usar ou vocalizando seu apoio ao movimento Black Lives Matter. Recentemente, ela lançou um curta-metragem, intitulado Not My Responsibility, que abordava questões de envergonhamento corporal.

Bem, ela continua defendendo suas companheiras neste último movimento do Instagram. A cantora teria pedido a seus seguidores que avisassem se ela estava seguindo algum tipo de “abusador”. Seja autores de abusos sexuais ou físicos, ela escreveu: “Se eu estiver seguindo o seu agressor, chama na DM e eu deixarei de segui-lo. Eu apoio você.”

Desde que compartilhou isso em seu Stories no Instagram parece que ela foi em frente e fez uma limpa na lista das pessoas que estava seguindo. Apesar de ter familiaridade com XXXTENTACION e elogiar o artista varias vezes no passado, ela foi em frente e o deixou de seguir. Ela também deixou de seguir alguns outros nomes que já receberam alegações de abuso – Chris Brown e Justin Bieber receberam unfollow.

Além disso, foi relatado que ela também deixou de seguir Ansel Elgort, que recentemente foi criticado depois que surgiram as acusações de uma garota conhecida apenas como Gabby, alegando que ele a agrediu sexualmente em 2014. Elgort negou essas acusações.

No entanto, após inicialmente excluir os nomes citados acima, os unfollow que se seguiu não parou por aí – a contagem de seguidores continuou a diminuir como os fãs apontaram, e atualmente permanece em 0. Eilish, que já havia recebido criticas por seguir artistas acusados de abuso, não comentou mais sobre esse assunto.