Chris Brown chora ao assistir entrevista de Paul Walker o defendendo

Paul Walker apoiou Chris Brown durante um período sombrio.

Em 2010, Chris Brown e o falecido Paul Walker co-estrelaram o filme Takers, ao lado de Hayden Christensen, Matt Dillon e Idris Elba. Hoje, Chris Brown foi ao Instagram para homenagear seu amigo. Compartilhando um clipe de uma entrevista mais antiga, Brown reflete que o apoio de Walker foi inspirador, a tal ponto que ele foi levado às lágrimas. Na entrevista, Walker fala sobre o trabalho com Breezy, que ele descreve como uma experiência positiva.

“Ele é legal”, reflete Walker. “Eu não sei se você o conheceu antes, mas ele é apenas uma criança. Ele é um garoto de 19 anos de idade. Só se divertindo. Sempre dançando e cantando. Nunca para. Sempre tem um sorriso em seu rosto. Boa energia. Grande garoto para ter por perto.”

Quando o entrevistador pergunta sobre o incidente de abuso doméstico infame de Chris contra Rihanna, Walker escolhe permanecer otimista sobre sua co-estrela. “Espero que tudo seja resolvido”, diz ele. “Eu realmente gosto dele. Eu sinto por ele porque sei que é difícil passar por isso. Mas ele vai ficar bem.”

O apoio público claramente significou muito para Brown, que se viu temporariamente chorando. “Isso me fez chorar”, admite Breezy, na legenda. “SAUDADE BRO! OBRIGADO POR SER UMA INSPIRAÇÃO PARA MIM!”. Já se passaram seis anos desde que Walker morreu em um acidente de carro e, de vez em quando, somos lembrados do impacto que ele deixou para trás. Descanse em paz, Paul Walker.