Drake é acusado de ‘estrelismo’ ao divulgar lineup do Lollapalooza com nomes borrados

Drake já recebeu as primeiras críticas.

A segunda passagem do rapper Drake no Brasil já está dando o que falar. O artista irá se apresentar no Lollapalooza no ano que vem e após o anúncio ser feito pelo evento nesta terça-feira, o rapper divulgou o lineup em seu stories do Instagram, mas ele deixou algumas pessoas irritadas. O line divulgado pelo rapper tem os nomes de artistas que não são headliners ‘censurados’, levando muitas pessoas acusarem o rapper de estrelismo. Na imagem não é possível ler nenhum dos outros nomes, além dos co-headliners no festival.

Assim que Drake divulgou o line dessa forma, o assunto viralizou no Twitter e o rapper canadense recebeu uma enxurrada de críticas. “Ao invés do Drake, o Lollapalooza deveria ter colocado mais umas três atrações nacionais. Teria muito mais impacto do que um cara que só pisa no Brasil por causa do dinheiro”, desabafou um internauta, enquanto outro debochou. “Olha que lindo o Drake borrocando os outros artistas. Culpa desse casa ai que diminuíram as chances do Tyler vir”

Drake é um dos artistas mais criticados no Brasil. Tudo começou em 2019, quando o artista se apresentou no Rock In Rio. Começaram a circular nas redes sociais algumas fake news, onde diziam que o rapper se recusou a comer comida local e não quis conhecer a cidade. O nível aumentou depois que o rapper cancelou de última hora que seu show fosse transmitido pela tv, recebendo assim uma grande enxurrada de críticas dos fãs e da mídia local.

Geralmente alguns artistas não deixam que a TV transmita o show ao vivo, querendo fazer uma experiência única para os fãs que pagaram o ingresso, ou até mesmo devido aos direitos de imagem e outros motivos contratuais.

Veja abaixo.