Capa R. Kelly Capa R. Kelly

Equipe de R. Kelly afirma que ladrões roubaram músicas do artista e estão pedindo R$ 850 mil para devolver

R Kelly teve mais de 300 músicas roubadas.

No início deste ano, a equipe de R. Kelly relatou o roubo de 300 a 500 de suas gravações principais pelas quais os culpados mais tarde supostamente exigiram dinheiro. Em fevereiro, um homem chamado Keith Calbert ligou para a polícia para relatar o roubo das gravações de um depósito em Illinois. Ele disse que as gravações foram avaliadas em milhões de dólares, mas também disse às autoridades que dois homens haviam transferido as gravações para a Califórnia em algum momento de 2021.

Quando ele pediu a um deles que devolvesse o material, o suposto ladrão exigiu US$ 160.000 para devolvê-los. A polícia investigou o incidente, mas não está claro por que a equipe de Kelly levou nove meses para denunciá-lo. O roubo pode estar relacionado ao lançamento do álbum I Admit It, de R. Kelly, que foi retirado dos serviços de streaming poucas horas após seu lançamento. Segundo sua advogada, Jennifer Bonjean, o disco não foi autorizado por sua equipe.

Capa R. Kelly
Foto: Suzanne Cordeiro/REX/Shutterstoc

“É música roubada. Um boletim de ocorrência foi registrado há algum tempo porque seus mestres foram roubados, mas não há muito apetite para investigar essas coisas”, disse a advogada Jennifer Bonjean ao The Hollywood Reporter na semana passada.

“As pessoas tiveram acesso aos seus direitos de propriedade intelectual com os quais estão tentando lucrar, mas infelizmente isso não inclui o Sr. Kelly”, afirmou..

No depoimento que ela forneceu, ela observou que Kelly teve seu equipamento de estúdio apreendido pelas autoridades e que seus mestres estavam “desaparecidos”. Ela observou que “a música está em algum lugar por aí, mas quem a possui e quem lucrou com ela – não sabemos totalmente”.