capa Globo news capa Globo news

Globo News repercute fim da parceria entre Adidas e Kanye West

Kanye West em um dos piores momentos em relação a exposição da sua imagem

Essas últimas semanas tem sido de turbulência na vida do astro americano Kanye West. Depois de uma série de comportamentos ofensivos e declarações antissemitas as portas na indústria da música, da moda e dos negócios em geral têm se fechado para o artista. O mundo inteiro ficou chocado com tudo isso, inclusive aqui no Brasil virou pauta no principal canal de notícia da TV fechada: A Globo News.

Na manhã de ontem (26), durante o “Globo News Mais” que é comandado pela Júlia Dualibi e pelo Tiago Eltz, repercutiu a decisão da Adidas de anunciar o fim da parceria com o cantor, que também foi banido do Twitter e do Instagram por viola as políticas de uso das plataformas. Esse tipo de assunto é muito raro no canal, principalmente agora a poucos dias para o segundo turno das eleições no Brasil.

Vale lembrar que no início deste mês, durante a Semana de Moda de Paris, o rapper fez um desfile surpresa para apresentar a nona coleção de sua grife, Yeezy, e gerou reações controversas. Isso porque ele apareceu com uma blusa que continha a frase “White lives matter” (vidas brancas importam), uma alusão ao movimento “Black Lives Matter” (vidas negras importam).

Outra marca que cortou laços comerciais com Kanye West foi a Balenciaga. que disse não manter mais “nenhum relacionamento e nem planos para projetos futuros relacionados a este artista”. Ye abriu o desfile de verão 2023 da empresa na Semana da Moda de Paris, mas as imagens dele foram removidas do site da marca.

O fim do contrato com a Adidas representa um prejuízo financeiro alto. Esse fato teve uma perda de até € 250 milhões para o resultado anual da empresa (R$ 1,32 bilhão). De acordo com a marca, os efeitos desse rompimento serão imediatos.

Confira a matéria abaixo: