Kanye West diz que nocauteou homem que pedia autógrafo e o ofendeu

Kanye West teve uma semana selvagem, que incluiu um vídeo dele supostamente socando um caçador de autógrafos. Agora, ele está falando sobre a ocasião.

No início desta semana, a afiliada da Fox de LA revelou que Kanye West estava sendo investigado por supostamente dar um soco no rosto de um fã do lado de fora de uma boate de Los Angeles. De acordo com o relatório, o rapper foi abordado pelo indivíduo para um autógrafo enquanto ele estava sentado em seu SUV do lado de fora do Soho Warehouse às 3 da manhã de quinta-feira. O rapper então deu um soco no rosto do homem, o que os fez cair no chão. “No que diz respeito aos paparazzi, não era um fã”, afirmou o rapper.

“Eram 3 da manhã na frente do armazém. Estou dizendo: ‘Você não sabe com o que estou lidando agora… Acabei de terminar essas duas músicas, eu vim do estúdio, trabalhando nesse álbum, nessa filmagem improvisada, e meus primos não realizaram a missão'” Disse o rapper para o homem. Segundo o Hollywood Unlocked, ‘a missão’ a que Kanye se refere é seus primos conversarem com sua ex-esposa, Kim Kardashian, após o rapper ter sido barrado de entrar na casa da empresária.

Foto: reprodução

Kanye apontou que o rapaz seguiu com desrespeito e provocações. “Essa máscara azul de Covid não parou este nocaute, você entende o que estou dizendo?” Disse Ye ao entrevistador, que começa a rir.  O rapper continuou: ‘Eu amo os paparazzi, eu amo a imprensa, eu amo a mídia, mas eles mandam esses dois, provavelmente como alguns agentes ou algo para realmente incitar a situação.” finaliza.

Na quinta-feira (13 de janeiro), surgiu um vídeo de um Kanye irado gritando com uma pessoa na rua enquanto um homem ferido estava deitado próximo deles. O incidente supostamente começou quando o fã viu Kanye sentado em seu carro e se aproximou da estrela do rap para um autógrafo. No entanto, as coisas deram errado quando Kanye saiu de seu carro e começou a gritar com o homem antes de acertar um soco nele. Kanye é visto gritando com uma mulher, que supostamente é sua prima, após a briga.

“Afaste-se de mim! Não há mãos!” ele gritou. “Não, não! Você deveria falar com ela”, acrescentou Kanye em referência a entrar em contato com Kim para falar sobre uma situação com seus filhos, onde o rapper alega que a segurança o impediu de ver as crianças dentro da mansão.

A polícia foi chamada ao local da briga e um boletim de ocorrência foi registrado. Há uma chance de Kanye enfrentar uma acusação por contravenção devido ao incidente.

Sair da versão mobile