Kanye West quer lançar roupas Yeezy x GAP com preços populares

Em um vídeo postado no Instagram, Kanye West defendeu o futuro da Yeezy Gap.

Nos últimos meses, a colaboração entre Kanye West e a Gap parecia ter encontrado seu fundamento criativo e comercial. Em julho, a primeira de muitas lojas Yeezy Gap prometidas foi inaugurada na Times Square. Ye é um mestre em criar espetáculos visuais e sociais virais, e isso não foi exceção: as multidões de clientes que fizeram fila do lado de fora para finalmente comprar peças Yeezy Gap pessoalmente e descobriram que as roupas não estavam estocadas em prateleiras, mas em grandes sacos empilhados no chão.

Embora a parceria entre Ye e Gap tenha sido ocasionalmente difícil, West cumpriu sua promessa. Quando foi a última vez que adolescentes fizeram fila em quarteirões do lado de fora de uma loja física, ou cobiçaram o Instagram de uma celebridade por um par de óculos de sol da Gap? Mas Ye não está satisfeito – e parece que ele ainda tem alguns pensamentos sobre onde a parceria tem que chegar.

Capa Kanye West
Foto: Divulgação

Em um vídeo de seis minutos postado em seu Instagram na quarta-feira, Kanye West fala com um grupo que parece ser a equipe de liderança executiva da Gap, com CEO interino e presidente do conselho. Bob L. Martin. As circunstâncias da reunião não são totalmente claras. A campanha dos óculos de sol Yeezy Gap é postada nas paredes da sala. “Aqui é Esparta”, Ye diz no clipe.

O sonho de West de democratizar a moda, que ele perseguiu por quase uma década, parece estar mais sólido do que nunca. Ele disse no vídeo: “Isso não é marketing de celebridades, isso não é uma colaboração, isso é uma missão de vida”. O objetivo, ele revela, é fazer roupas “que possam atingir o preço da Old Navy”, linha mais barata da GAP.

Mais tarde, ele continuou: “Como conseguimos [esta camiseta]… ser vendidas por US$ 20? Como vamos comparar os preços da Old Navy?” Ye continua sugerindo que, para chegar lá, ele precisará fazer algo um pouco mais radical do que tirar roupas de varejo das araras: “Fazendo comerciais de TV, abrindo essas lojas, passarmos por essas prateleiras e olharmos para o produto, seja o que for, colocarmos essa outra coisa para vender”.

Ao longo do vídeo, Ye citou sua própria habilidade quando se trata de vender produtos – sua habilidade única de trazer “energia” para uma marca. Ele afirma ter vendido US$ 7 milhões em mercadorias quando apresentou Donda no Mercedes-Benz Stadium de Atlanta no verão passado.

Kanye West continuou dizendo que trouxe três milhões de e-mails da Adidas, possivelmente referindo-se à lista de e-mails Adidas Yeezy. E, repetindo uma declaração no Instagram dirigida a Martin, Ye disse que eles venderam 14 milhões de moletons pretos da Yeezy Gap, por US$ 80, depois de exibir um comercial com trilha sonora de “Life of the Party”.

A equipe da Gap pode não saber exatamente o que fazer com seu Tom Brady, mas Ye sabe exatamente o que ele quer. Em uma postagem excluída, West incentivou seus seguidores a ajudá-lo a abrir lojas Yeezy em todo o mundo – de forma independente. “Vou te mostrar”, escreveu ele, “como usar as mídias sociais”.