Após 17 anos, o DJ do Racionais libera o segundo projeto da trilogia ‘Na Batida’.

Nos últimos anos, KL Jay ficou mais focado em comandar pick-ups Brasil afora do que em criar batidas, seja para projetos solo ou para outros MCs. Porém, este mês, ele retorna com produções originais em Na Batida Vol. 2, segundo disco solo dele, que chega 17 anos depois do Vol. 3 (2001), lançado entre os dois maiores álbuns dos Racionais, Sobrevivendo no Inferno (1997) e Nada Como Um Dia Após o Outro Dia (2002). De lá para cá, Jay ainda produziu uma mixtape, Rotação 33 – Fita Mixada, gravada ao vivo em um take, em 2006, e que ganhou até um documentário registrando todo o processo.

O Vol. 2, também chamado No Quarto Sozinho, chega para o público em uma época de hiato dos Racionais, na qual os integrantes aproveitam o período para desenvolver suas carreiras solo. Mano Brown segue apresentando o show de Boogie Naipe, Edi Rock acaba de soltar o primeiro single de um novo álbum e Ice Blue já há algum tempo promete um disco focado no trap em parceria com Helião (do RZO). Em 2018, o quarteto tem apenas um compromisso junto: um show na casa paulistana Credicard Hall, no dia 24 de novembro.

No Quarto Sozinho já vem sendo produzido há cerca de cinco anos e tem a mesma dinâmica do álbum antecessor: KL Jay convidando diversos MCs — e eventualmente até se aventurando no microfone — para rimar em bases desenvolvidas por ele. Entre os convidados estão Edi Rock, Rael, Rincon Sapiência, MC Guimê, Kamau e Lay, além do DJ Will, filho do DJ dos Racionais. A sonoridade, em geral, permeia e atualiza o hip hop dos anos 1990, com samples de Gil Scott-Heron, Donald Byrd e Curtis Mayfield, inserções de gravações jornalísticas e até uma experiência inédita de KL Jay no house.

Escute abaixo.