Rapper Krawk libera aguardado álbum “WALLY”; seu disco de estréia

Krawk - Wally

Após grandes ações de marketing e singles potentes, Krawk utilizou a data do seu aniversario para o lançamento do disco Wally.

O rapper Krawk liberou seu aguardado disco de estréia durante o último final de semana. Chamado de “WALLY”, o projeto vem fazendo bastante barulho. Embora as faixas funcionem separadamente, o disco tem um conceito profundo para o artista. Em sua pesquisa para criação do álbum, vieram várias ideias, no entanto nada mais forte do que explorar suas raízes.

O projeto conta com 17 faixas e participações de nomes como Duzz, Sobs, Lucas Lucco, Ferrugem, Klyn, Tropkillaz, Kant e mais. A primeira música, após a introdução, leva o nome do disco e mostra o momento de transição do jovem Wally para o inicio da jornada como Krawk.

Quer receber notícias do Rap Mais em primeira mão? Acesse nosso canal no Telegram clicando aqui e faça parte da nossa comunidade!

Ao decorrer, muitos temas são abordados. Mulheres como na “+18” que conta com a participação de Duzz, Sobs e Peu na produção.O disco fala de amizades e traições em “Fake Homies” com participação do rapper Limera, em luta e sonho como no hit “A 1 passo” com Ferrugem que aborda sua gratidão por hoje ter fans por todo o Brasil. Perpassa por solidão e reflexão na música “Hey Baby” com Lucas Lucco.

No entanto são nas músicas “rainha”e “lembra de mim, pai?” que Krawk traz seus sentimentos mais fortes e pessoais no disco, mostrando que a criação deste álbum aborda nada mais que a maturidade do artista e seu próprio DNA, que traz polêmicas, contradições, amor e raiva, como todo ser humano. Por isso a gota de sangue como um símbolo sempre presente durante toda a divulgação do projeto.

O disco não poderia deixar de passar também pela ostentação, como no hit com a dupla mundialmente conhecida “Tropkillaz” na produção da faixa “Famoso” e que contam também na co-produção das faixas “Gucci e Dior”com Klyn e na faixa “Rambo”. Além dos nomes citados, o disco traz participação de Kant, Thiago, Kawe, Bell Dias e Freelipe.

A produção da maioria das músicas foi assinada por BlakBone, produtor da Live Station, que também mixou a maior parte delas. A trajetória das 17 faixas trazem muitas faces do rapper e se fecha com a transformação completa na faixa intitulada “Krawk” que traz o lado do artista e fecha todo o arco de transformação.

O disco conta com clipes e visualizers muito bem produzido para todas as faixas: Assista aqui. e também está presente em todas as plataformas de streaming.

Imagem

Imagem

What do you think?

Written by Felipe

Policial que matou George Floyd está sendo investigado por ter ficado ajoelhado nas costas de um adolescente negro por 17 minutos em 2017

Chris Brown relembra a coreografia nostálgica do clipe de “Yo (Excuse Me Miss)” e deixa fãs loucos