Lula venceria eleições no primeiro turno se votação dependesse apenas do voto feminino, aponta pesquisa

Lula está liderando com folga nas pesquisas eleitorais

Em nova pesquisa da Genial/Quaest, divulgada nesta quarta-feira (11) e realizada entre os dias 5 e 8 de maio, traz o ex-presidente Lula liderando a corrida presidencial com 46% das intenções de voto contra 29% de Jair Bolsonaro (PL) no primeiro turno. Num possível segundo turno, Lula venceria com 54%, contra 34% de Bolsonaro.

Se as eleições presidenciais dependessem apenas do voto feminino, Lula venceria Bolsonaro com 51% dos votos contra 22% em um eventual primeiro turno. Entre o público masculino, o placar dessa pesquisa estimulada para o primeiro turno também ficou a favor de Lula, mas com uma diferença menor. O petista deve 41% da preferência contra 31% a favor de Bolsonaro.

A pesquisa feita pela Quaest em parceira com a Genial Investimentos mostra ainda que a preferência do eleitor por Bolsonaro para vencer as eleições encolheu, passando de 31% para 29%, entre abril e maio. Com isso, Lula, que teve a preferência variando de 46% para 45%, teve uma leve ampliação na vantagem de 15 pontos percentuais para 16.

O levantamento também indica que o voto já está cristalizado para 63% dos eleitores. Em 2018, este grau de decisão só aconteceu em setembro. Em outra pergunta, os entrevistados puderam dizer quem gostariam que vença a eleição: 45% preferem Lula e 29% optam por Bolsonaro.

Veja alguns números da pesquisa:

Lula (PT): 46%
Bolsonaro (PL): 29%
Ciro Gomes (PDT): 7%
João Doria (PSDB): 3%
André Janones (Avante): 3%
Simone Tebet (MDB): 1%
Felipe D’Ávila (Novo): 1%
Luciano Bivar (União Brasil): 0%
Branco/Nulo/Não vai votar: 6%
Não sabe: 3%

Sair da versão mobile