Provas indicam que Birdman e Young Thug tentaram matar Lil Wayne em 2015

Young Thug ligou para atirador do ônibus da turnê 8 vezes antes dos eventos acontecerem.

Na semana passada, foi relatado que Birdman e Young Thug podem ser acusados ​​em relação ao tiroteio do ônibus da turnê de Lil Wayne em 2015. Enquanto o promotor ainda está avaliando as opções, acaba de ser divulgada a prova que aparentemente prova o envolvimento de Birdman no crime.

A decisão de possivelmente acusar Thugger e Stunna foi uma surpresa. A notícia foi ofuscada pelo fato de que Weezy tinha acabado de lançar um dos álbuns mais esperados de toda a década. Embora possa não ser uma surpresa para alguns, Birdman e Young Thug teriam entrado em contato com Jimmy Winfrey, o atirador do ônibus de turnê de Wayne em 2015, antes de tudo acontecer. Um dos telefonemas de Baby com o homem vazou e uma agência de notícias de Atlanta o divulgou.

No telefonema, Birdman diz a Winfrey que era hora de “sair e ganhar [seu] dinheiro”. Ele garantiu ao homem que ele fez “tudo o que ele poderia fazer”. O mesmo relatório alega que Young Thug ligou para Winfrey 8 vezes nos 12 minutos depois d o tiroteio no ônibus, o que definitivamente é bastante suspeito. Algumas dessas informações são certamente danosas e podem ter levado o procurador a decidir por acusar os rappers.

Thug e Birdman não foram acusados ​​anteriormente em relação ao crime. Ouça os áudios abaixo, que foi republicado depois de ser transmitido localmente.

Sair da versão mobile