Seguir

Rico Nasty pula no meio do público após ser atingida por garrafa durante show

Capa Rico Nasty Capa Rico Nasty
Foto: reprodução

Rico Nasty teve uma reação surpreendente depois que um fã jogou uma garrafa em direção ao palco

Rico Nasty tem feito sucesso na mais recente turnê do Narcissist King Vamp de Playboi Carti. Com os dois artistas sendo conhecidos por seus estilos “furiosos”, não é surpresa que os fãs possam ficar indisciplinados durante seus shows. Em um show recente, essa indisciplina se transformou em desrespeito direto em uma de suas formas mais comuns, já que um frequentador jogou uma garrafa em Rico enquanto ela se apresentava.

Nos últimos tempos, vimos diferentes artistas adotarem abordagens diferentes para essas questões, que vão desde o desrespeito até a interrupção total de um show até encontrar o culpado. Rico optou por se inclinar para o último dos dois desta vez. “Quem foi mano? Seja específico […] quem foi? Quem diabos foi? Para onde eles estão indo? Alguém venha pegar isso”, grita Rico no microfone antes de ser vista pulando para fora do palco e se lançando contra a multidão.

Capa Rico Nasty
Foto: Paras Griffin, Getty Images

O momento pareceu ser a gota d’água para Rico, cuja jornada em turnê tem sido particularmente atormentada pela legião de fãs de Carti, que têm desrespeitado a rapper durante seus shows. Ela usou o Twitter para acusar os fãs de serem uma “multidão racista”, entre outras declarações que expressaram sua frustração com a turnê. Rico já sofreu racismo em um estacionamento de supermercado.

Por mais que o hip-hop seja um grande aliado para o sucesso de reivindicações sociais, momentos de injustiças acontecem com uma grande frequência e com muitos rappers ao redor do mundo. A rapper foi ao Twitter contar o acontecido, que parece ter terminado com uma ameaça de acionar a polícia por parte do homem.

“Racistas adoram ficar tipo ‘Você me ameaçou, vou chamar a polícia’”, escreveu Rico. “Eu fui atacada noite passada. Ele começou com ‘pessoas como você’. Foi quando eu soube [que estava sendo ataca por um racista], continuou.

Alguns fãs da rapper disseram que ela poderia ter devolvido as ofensas ou até mesmo partido para agressões físicas, ao que Rico respondeu dizendo que poderia ser pior se reagisse de alguma forma. “Ele poderia ter pesquisado meu nome e me processado. Mas o que eu fiz foi pensar em todas as pessoas que são mortas em situações como essa”, contou.