Jannah Theme License is not validated, Go to the theme options page to validate the license, You need a single license for each domain name.

Snoop Dogg teve mais impacto na cultura Hip Hop do que Tupac, diz ator Faizon Love

Snoop Dogg causou mais impacto na cultura Hip Hop do que Tupac, pelo menos de acordo com o ator Faizon Love.

O ator comediante sentou-se com The Art of Dialogue para uma entrevista recente, onde foi solicitado a explicar seus comentários anteriores de que Snoop Dogg era “maior” que Tupac no auge de sua carreira. “Quando Snoop surgiu, ele era o maior rapper de todos os tempos”, disse ele. “E então ele estava descendo. ‘Pac estava em apuros […] Snoop Dogg, quando ele lançava música, tinha diversos caras esperando na esquina em todas as [lojas] de discos. ‘Pac estava na cadeia. Então, quando ‘Pac chegou na Death Row, Snoop ainda era o maior rapper de todos os tempos e estava enfrentando um caso de assassinato. Sempre. Isso é o que eu estava dizendo.”

Quando perguntado sobre qual lançamento de álbum foi o “maior” – a estreia de Snoop Dogg em 1993 com Doggystyle ou o álbum duplo de Tupac em 1996, All Eyez On Me, o ator respondeu com confiança: “Snoop teve o maior [lançamento de álbum]. Você pode olhar isso. Eles podem dizer o que Snoop vendeu naquela semana. Snoop tinha brancos e negros. 2Pac tinha negros. Snoop foi um fenômeno.” Em números oficiais, Doggystyle vendeu mais de 806.000 em sua semana de abertura, enquanto All Eyez On Me arrecadou cerca de 566.000.

“Essa é a primeira semana. Snoop estava na MTV, prêmios de música, toda essa merda. ‘Pac estava na cadeia. Acho que a única premiação que Pac fez foi Soul Train. As pessoas estavam esperando do lado de fora da Tower Records, qualquer lugar que vendesse discos, brancos e negros estavam acampados. Eu fiquei tipo, ‘Droga! Que porra!’” Snoop Dogg vendeu mais de 37 milhões de álbuns em todo o mundo e ainda continua, enquanto Tupac vendeu aproximadamente 75 milhões, apesar de seu assassinato em 1996.

Veja abaixo.

 

Fellipe Santos

Publicitário, carioca, apaixonado por hip hop e tatuagens
Botão Voltar ao topo