The Weeknd revela desejo em ser cineasta e diz que deve lançar novo álbum em breve

The Weeknd deu uma extensa entrevista à Rolling Stone, onde discutiu como seu amor pelo cinema influencia sua música.

The Weeknd é um dos maiores cinéfilos da música. O último disco do artista, After Hours, prestou homenagem estilística a filmes como Casino de Martin Scorsese e Fear and Loathing in Las Vegas, de Terry Gilliam, em seu som estético e cinematográfico.

Em uma entrevista à Rolling Stone publicada esta manhã, ele revelou que estava gastando muito do seu tempo “confinado […] nos últimos quatro meses” assistindo filmes de terror coreanos e escrevendo canções da perspectiva dos personagens como exercícios para manter sua caneta afiada. Ele também mencionou algumas aspirações futuras.

“Só quero ser cineasta”, confessou o cantor. “Eu só quero fazer um bom filme.” Ele mencionou o sucesso de After Hours, chamando de seu “álbum mais perfeito” até agora. Ainda assim, ele fez questão de enfatizar que queria expandir seu sucesso e a influência cinematográfica em sua música.

“Eu sou culpado de querer superar meu último álbum”, disse ele. “Mas nunca é como ‘Eu tenho que fazer o mesmo tipo de música’. Estou tão feliz por não ser assim. Minha paleta é tão ampla.”

O cantor compartilhou que está tentando encontrar o “equilíbrio perfeito entre filmes e a música” nas novas canções que vem escrevendo nos meses desde o lançamento de After Hours. “Acho que decifrei o código”, disse ele sobre o novo trabalho.

Os fãs também ficarão maravilhados em saber que novas músicas podem não estar tão longe. Com tanto tempo para ficar em casa, o cantor compartilhou que tem se mantido produtivo e consistente com um estúdio improvisado em sua casa em Los Angeles.

“Eu posso ter outro álbum pronto para sair quando esta quarentena acabar,” o cantor insinuou.