O mais recente álbum de Tyler The Creator é uma balada musical completa.

O disco IGOR só está vivo há algumas semanas, mas muitos já estão contando o projeto entre os mais polêmicos de Tyler, tomando medidas extremas; onde alguns dizem desfocado, outros consideram uma afirmação triunfante de brilhantismo criativo. De qualquer forma, poucos podem negar que IGOR é, no mínimo, um interessante estudo de arranjo.

Como a era das notas encadernadas chegou a um triste final, os créditos de álbuns muitas vezes tornaram-se um mistério. Com IGOR, ficou claro que o processo de criação foi colaborativo e abrangente, fato confirmado pelos créditos recentemente revelados.

Tyler compartilhou oficialmente o DNA de cada faixa, bem como as mentes por trás de sua loucura. Os gêneros colidem e as zonas de conforto partem com Kanye West, Solange, Lil Uzi Vert, Pharrell, Playboy Carti, Santigold, Charlie Wilson, Slowthai, Cee Lo Green, La Roux, Jerrod Carmichael, Al Green e mais se unem sob o estandarte de Tyler. Você pode conferir um detalhamento completo aqui, mas por enquanto, aqui estão algumas das contribuições do hip-hop.

Kanye West serviu como compositor, letrista e performer em “Puppet”. Lil Uzi Vert foi um compositor e intérprete de “Igor’s Theme”. Solange se apresentou em “I Think”, “A Boy is A Gun” e  “I Don’t Love You Anymore”. Pharrell cantou os vocais de fundo em “Are We Still Friends?”, Playboi Carti compôs e rimou em “Earfquake”. CeeLo Green se apresentou em “Gone Gone/Thank You”.