Will.i.am diz que não é fã do estado atual do rap: “Qualquer coisa é hip hop agora”

Quando o Black Eyed Peas retornou com seu primeiro álbum de estúdio em oito anos em outubro, eles o fizeram com um som que refletia seu material antigo voltado para o hip-hop. Abandonando seu som mais eletrônico e pop que definiu sua música Elephunk em diante. Recentemente o grupo lançou um novo álbum com a pegada mais hip hop, porem o disco vem recebendo pouca atenção. Agora, em uma nova entrevista com a Rolling Stone , o vocalista do grupo Will.i.am admite que não é fã do estado atual do rap.

“Qual é o esporte número um no planeta? Futebol, porque qualquer um pode jogar,” Will respondeu quando perguntado sobre por que o hip-hop é o gênero mais popular no momento. “O problema com o hip-hop é que todo mundo pode fazer isso. Não é preciso muita habilidade no momento para fazer hip-hop. Tornou-se a fruta mais barata. Não é mais sobre nível Rakim, nível Nas – não a merda profunda e metafórica, por respeito às Nases do mundo, não vamos chamar de hip-hop. Digamos que seja rap. Mas a música instrumental vai ser a próxima grande merda. ”

Ele também não recua, optando por dobrar sua alegação de que os ouvintes vão querer ouvir músicas mais complexas e orientadas para as habilidades daqui para frente.

“Essa é a única maneira de provar inteligência ou gosto: demonstrando sua arte”, explicou ele. “Neste momento, estamos competindo humanos com humanos e, eventualmente, estaremos competindo com humanos na máquina – no momento em que há uma porra de um rapper múmia [risos] … é inevitável, mano!”