Seguir

Emicida faz visita ao Museu da Cultura Hip-Hop durante viagem para show em Porto Alegre

Fotos: Reprodução/Instagram

Emicida prestigiou o espaço antes da apresentação da turnê “AmarElo — A Gira Final”.

No último sábado (6), Emicida realizou o show da turnê “AmarElo — A Gira Final” no Pepsi On Stage, em Porto Alegre. Aproveitando a viagem, o rapper visitou o Museu da Cultura Hip-Hop do Rio Grande do Sul, localizado na Vila Ipiranga, Zona Norte da capital.

“Histórico e maravilhoso. Vem pro Museu. O Museu do Hip-Hop do Rio Grande do Sul, certo?! Seu camarada Emicida, nessa tarde, teve a honra de dar um passeio com o melhor guia de todos aqui, que foi contando pra nós um pouquinho da história da cultura hip-hop nesse estado, passando pela Negra Jaque, acabamos de trombar ali nosso mano Nitro Di”, relatou ele.

O rapper paulista participou do evento de lançamento do programa Vem Pro Museu, que propõe um investimento de quase R$ 300 mil no movimento hip-hop do estado, ao lado do idealizador do espaço, o rapper e ativista gaúcho Rafa Rafuagi.

Fotos: Reprodução/Instagram

“Ver aqui a história, mano Gê Powers, todo mundo”, concluiu o autor de sucessos como “Levanta e Anda” e “Eu Gosto Dela” no vídeo publicado em seu perfil no Instagram.

Ao longo da visita ao primeriro museu do Brasil dedicado ao movimento cultural, Emicida conheceu parte do acervo físico e digital sobre a história do hip-hop a partir do surgimento nas ruas do Bronx, em Nova York, até sua expressão no Rio Grande do Sul.

Inaugurado em dezembro de 2023, o espaço conta com quase seis mil itens de acervos a respeito da história da cultura, além de uma área de cerca de quatro mil metros quadrados com biblioteca, salas expositivas, loja, ateliê de oficinas, estúdio, quadra poliesportiva e CT de breaking.