Seguir

Faith Evans revela que Notorious BIG havia autorizado ela a gravar com Tupac

Aparentemente, “Hit ‘Em Up” não é o retrato completo da história da lendária rivalidade do The Notorious BIG com ‘Pac – que Faith diz que não era exatamente uma rivalidade.

Recentemente, Faith Evans participou do podcast Marriage or Mirage para falar sobre seu homem ideal e, é claro, seu amor eterno por Biggie Smalls. A narrativa que circula é que a icônica diss track de Tupac Shakur, “Hit ‘Em Up”, que solidificou sua lendária rivalidade com The Notorious B.I.G., sugere que Evans traiu Biggie com Tupac. No entanto, a cantora de R&B esclareceu durante a conversa com os apresentadores do podcast que as coisas não aconteceram dessa maneira. O rapper da Califórnia colaborou com ela, para o que o rapper de Nova York deu sua bênção, e a foto deles juntos que gerou rumores de infidelidade não significa nada.

“Eu não sabia que o ‘Pac estava na Death Row, sabe o que eu estou dizendo?”, começou Faith Evans. “Ou eu nunca teria concordado em fazer uma música com ele. Quando fui ao estúdio com o ‘Pac, quando o conheci, ele disse: ‘Quero fazer uma música com você’. Eu disse ao Big, ele disse: ‘Você quer fazer isso?’ Eu disse: ‘Sim, se ele tiver o dinheiro’. Eu não escondi nada, contei ao meu marido”, afirmou, dizendo que deixou Biggie saber quando percebeu que estava trabalhando com membros da Death Row.

Biggie Small's widow, Faith Evans, marries Stevie J
Reprodução

Além disso, a cantora de 50 anos também compartilhou o que mais amava em seu falecido marido. “Tudo”, declarou Faith Evans. “Eu amava tudo nele. Ele era honesto, entende? Uma coisa sobre ele, mesmo naquela idade jovem… honesto! Cara, eu respeito isso. Eu pensei, eu não posso pedir mais nada.” Além disso, ela falou sobre uma vez em que perguntou a Biggie se ele tinha tido relações com outra mulher, e ele admitiu imediatamente. “Honesto pra c****ho”, ela enfatizou. “Na maioria das vezes, eu não sabia o que estava acontecendo, mas quando eu sabia e perguntava a ele, ele dizia a verdade.”

Enquanto isso, temos certeza de que esta não será a última vez que essa história de rivalidade será reavaliada. É uma das histórias de fundo mais fascinantes, embora trágicas, do hip-hop para refletir e desenterrar. O aspecto mais importante e duradouro é o legado de cada artista, além disso, o amor que Big e Faith compartilhavam.

Confira a entrevista abaixo: