Homem que atirou em Lil Tjay é preso após ser liberado do hospital

Homem foi alvejado durante tentativa de roubo contra o artista

Mais um capítulo do caso Lil Tjay foi revelado. De acordo com o Daily Voice, a polícia de Nova Jersey prendeu Mohamed Konate, ontem (22) e o colocou em Rikers Island. Konate foi anteriormente hospitalizado depois de sofrer ferimentos a bala no que as autoridades acreditam que ele sofreu durante a tentativa de roubo do rapper Lil Tjay.

O Gabinete do Procurador do Condado de Bergen havia explicado anteriormente que Konate tentou roubar Lil Tjay e seus dois amigos Antoine Boyd, e Jeffrey Valdez enquanto estavam sentados em um Dodge Durango perto do shopping Promenade, no Bronx, em 22 de junho. Quando Tjay resistiu, Konate supostamente disparou tiros quase fatais contra ele, atingindo-o na cavidade torácica, que é a área que contém a caixa torácica, coração, pulmões, esôfago e outros órgãos vitais. Um dos amigos de Tjay foi baleado uma vez, enquanto Konate também foi ferido.

Foto: Getty/Frazer Harrison

Os investigadores alegaram que um associado ajudou Konate a uma BMW após o tiroteio, depois o deixou no Lennox Hill Hospital, na Park Avenue, no Upper East Side de Manhattan. Os investigadores não identificaram o associado, pois estariam cooperando com as autoridades.

O rapper de “In My Head” foi transportado de avião para o Hackensack University Medical Center e passou por uma cirurgia de emergência, onde agora ele está acordado, falando e respirando sozinho. Konate está sendo acusado de três acusações de tentativa de homicídio em primeiro grau, enquanto dois associados estão sendo acusados ​​de porte ilegal de arma em segundo grau.

O projeto mais recente de Lil Tjay, Destined 2 Win, chegou em 2021, que incluiu o hit da Billboard Hot 100 “Calling My Phone” com 6LACK, bem como “Headshot” com Fivio Foreign e Polo G. Ele recentemente lançou dois novos singles “ In My Head” e “Goin Up”.

Sair da versão mobile