Seguir

Keep Up to Date with the Most Important News

By pressing the Subscribe button, you confirm that you have read and are agreeing to our Privacy Policy and Terms of Use

Ja Morant acredita que sofre perseguição da NBA

CAPA Ja Morant CAPA Ja Morant
Foto: The Canadian Press

Ja Morant foi suspendo por 25 jogos pela NBA; entidade considera ação excessiva.

A decisão da NBA de suspender a estrela do Memphis Grizzlies, Ja Morant, terá um efeito cascata na Associação. Para algumas pessoas, a punição de 25 jogos ao armador do time não é longa o suficiente, enquanto outros acreditam que a suspensão de quase seis meses foi exagerada.

O fato é que Morant foi reincidente. Em março deste ano, ele empunhou uma arma enquanto estava em um clube de strip, em Denver, e foi suspenso pela NBA por oito jogos. No mês seguinte, ele mostrou uma outra arma, que ele alega ser de mentira, numa live do Instagram, o que resultou na suspensão mais longa de sua carreira.

CAPA Ja Morant
Foto: Icon Sport

De acordo com o insider Tim MacMahon da ESPN, existe um sentimento de Ja e das pessoas ao seu redor de que a NBA e a mídia querem persegui-lo. “Ouvi indiretamente que Ja e pessoas próximas a ele, talvez pessoas anteriormente próximas ao jogador, têm a sensação de que a NBA e a mídia querem pega-lo”, relatou MacMahon.

Em defesa de Morant, a National Basketball Players Association, a associação de jogadores da NBA, denunciou sua suspensão como “excessiva” e “inapropriada”. A entidade disse que a decisão tem “natureza arbitrária sobre condições para seu retorno”. O texto foi assinado pela diretora executiva da NBPA, Tamika Tremaglio.

“Ja expressou seu remorso e aceitou a responsabilidade por suas ações, e nós o apoiamos inequivocamente enquanto ele faz o que for necessário para representar a si mesmo, nossos jogadores e nossa liga da melhor maneira possível”, disse Tremaglio. “Quanto à disciplina imposta, que o mantém fora da quadra até dezembro e exige que algumas condições não declaradas sejam cumpridas antes que ele possa retornar, acreditamos que é excessiva e inapropriada por uma série de razões, incluindo os fatos envolvidos neste incidente em particular, e que não é justo e consistente com a disciplina anterior em nossa liga. Acreditamos que é excessivo e inapropriado por vários motivos”, acrescentou.