Kanye West troca de distribuidora após antiga retirar álbum “Vultures 1” da Apple Music

Escrito por Fellipe Santos 16/02/2024 às 11:08

Foto: Divulgação
  • Facebook
  • WhatsApp
  • X (Twitter)
  • ícone de compartilhar

Kanye West resolveu os problemas de distribuição e ganhou uma promoção gratuita

Ontem, o novo álbum de Kanye West e Ty Dolla Sign, Vultures 1 , foi removido da Apple Music devido a problemas de distribuição. O álbum chegou via FUGA, que posteriormente quis que o álbum fosse removido. “Um cliente de longa data da FUGA entregou o álbum Vultures 1 através dos processos automatizados da plataforma, violando nosso contrato de serviço”, disse um porta-voz da distribuidora à Billboard. “Portanto, a FUGA está trabalhando ativamente com seus parceiros DSP e o cliente para remover o VULTURES 1 de nosso sistemas.”

Agora, o álbum encontrou um novo distribuidor, Label Engine. A empresa lançou os dois primeiros singles do projeto, o que gerou confusão quando o álbum completo chegou pela FUGA. Felizmente, porém, isso significa que o álbum está de volta ao Apple Music para os fãs ouvirem. O rapper acabou ganhando mais uma promoção gratuita sobre o álbum, já que diversos sites comentaram sobre a possivel retirada do disco das plataformas. Ele também usou esse momento para promover o site da Yeezy.

Esse só foi um dos vários contratempos com os quais Ye lidou após o lançamento do Vultures 1 . Após a festa de audição do hitmaker em Chicago, Ozzy Osbourne acessou o Twitter para acusá-lo de samplear o Black Sabbath sem permissão. “@kanyewest pediu permissão para samplear uma parte da performance ao vivo de War Pig em 1983, mas foi recusado porque ele é um antissemita e causou muitas dores incontaveis a muitos. Mesmo assim, ele foi e usou o sample na festa de audição de seu álbum na última noite. Não quero nenhuma associaçãqo com esse homem” escreveu ele no Twitter.

Outro problema que Kanye teve envolvendo samples foi com o espólio de Donna Summer, que criticou Kanye por suposta “violação de direitos autorais” de sua faixa “GOOD (DON’T DIE)”, novamente insistindo que sua permissão foi negada. Dias depois a música foi retirada de algumas plataformas de streaming. De qualquer forma, o álbum continua fazendo sucesso entre os fãs.

ícone

Recomendados para você