Ludmilla fala sobre caso de racismo envolvendo Neymar

313

Ludmilla foi uma das celebridades que falaram sobre o caso de racismo envolvendo o menino Ney.

No último domingo (13) o jogador Neymar foi expulso de campo em um jogo do PSG após acertar um cascudo em um jogador espanhol. O motivo? o jogador teria chamado Neymar de ‘macaco’ durante o jogo e gerou revolta no brasileiro, que disse nas redes sociais que estava ‘arrependido por não ter dado na cara dele’ A expulsão gerou revolta nas pessoas e criou um grande debate nas redes sociais sobre racismo no esporte.

O assunto tomou as redes sociais na tarde de Domingo (13) levantando a frase FOGO NOS RACISTAS aos assuntos mais comentados da plataforma do Twitter. Uma das pessoas que se posicionou a favor de Neymar foi a cantora Ludmilla, que respondeu alguns haters do jogador que lembraram de uma entrevista dele aos 17 anos onde ele disse que nunca sofreu racismo em campo ‘até porque não era preto’.

“Pra branquitude não adianta se você é o melhor no que faz. Se é bem sucedido. Ainda assim eles olham primeiro para a sua cor. Também não importa se a gente tem a pele mais clara ou mais escura… Eles sempre sabem quem nós somos. E como nos ferir!
Ontem comigo, hoje com Neymar, fora todas as pessoas que sofrem isso na pele todos os dias mas não tem visibilidade. Pessoas que morrem diariamente por causa do racismo. E eles vivem a vida de boa enquanto a gente sofre. Até quando?? Racismo é crime!!
Fogo neles, Ney!! Tamo junto sempre, vc é fodaaa!” publicou a cantora.

Veja abaixo.