Jannah Theme License is not validated, Go to the theme options page to validate the license, You need a single license for each domain name.

Offset libera álbum ‘Set It Off’, com participações de Travis Scott, Cardi B, Don Toliver e mais

Offset lança seu primeiro álbum solo em quatro anos.

Na última sexta-feira (13), o rapper Offset lançou seu aguardado segundo álbum, “Set It Off”, marcando seu primeiro disco solo em quatro anos. Com 21 faixas, o trabalho é repleto de estrelas, já que o artista dos Migos conta com as vozes de Cardi B, Future, Travis Scott, Latto, Don Toliver e outros nomes de peso da música.

Antes do lançamento, para aquecer os fãs, Offset lançou dois singles: “Jealousy” com Cardi B e “Fan”. Seu primeiro álbum, “Father of 4”, gerou seu single multi-platina “Clout”. Desde seu primeiro trabalho solo, Offset enfrentou vários problemas em sua carreira, como o fim do Migos e a perda de TakeOff, que foi baleado e morto em Houston no ano passado.

Offset capa
FOTO: PRINCE WILLIAMS/WIREIMAGE

Em “Set It Off”, Offset tenta direcionar o foco de volta para a música, deixando os problemas para trás. A faixa de abertura, “On the River”, que se baseia em um emocionante sample do soul retrô de Kirby Lauryean, revela que este álbum de uma hora é uma produção muito maior e enfática do que o primeiro álbum solo de Offset, “Father of 4”, lançado em 2019 enquanto ele ainda estava com os Migos.

Além disso, o álbum “Set It Off” é um projeto solo muito mais confiante. O rapper de 31 anos soa faminto e determinado a provar sua relevância além dos Migos ou do seu casamento com Cardi B, mesmo quando ela e Offset se unem em duas faixas.

Apesar disso, em entrevista à Apple Music, Offset falou sobre como Takeoff é uma grande inspiração para a concepção de todo o disco. “Até na minha própria jornada, ainda sinto a presença e a energia dele, me impulsionando para me esforçar. Eu sei preciso vencer. Mesmo sem ele, não é o fim. Tenho que vencer”, disse ele. “Então, isso é outra coisa que me impulsionou. Takeoff não se importava com os números, nada disso. Ele dizia, ‘Cara, o som de vocês é bom’. Ele era muito solidário nisso. Eu só mantenho isso em mente e continuo avançando.”

Botão Voltar ao topo