Seguir

R. Kelly deve admitir que é pedófilo, diz pai de suposta vitima

“O que ele admitiu?”

Toda a carreira de R. Kelly foi atormentada por alegações hediondas de pedofilia. O famoso cantor abordou recentemente tudo, desde seu analfabetismo até seus supostos escravos sexuais em sua música de 19 minutos, “I Admit”. Kellz essencialmente desviou a maioria dos rumores contra ele sobre a música, incluindo acusações de pedofilia. O pai de uma de suas supostas escravas sexuais falou sobre a música e ele questiona se o cantor realmente admitiu alguma coisa.

Angelo Clary é o pai de Azriel Clary. Ele recentemente falou ao TMZ e criticou o cantor por não admitir pedofilia e por ser um mal pai em “I Admit”. Angelo afirma que R. Kelly se aproveitou de sua filha quando ela era menor de 18 anos – a idade legal na Flórida. Ele continuou a atacar Kellz por tentar simpatizar com seus pais acusadores pelas alegações.

“O que ele admitiu? Ainda estou me fazendo essa pergunta porque você está dizendo qual é a definição de pedófilo, você deveria ter ajudado com essa pergunta”, disse ele. “Minha filha era menor de idade. Então você quer saber a definição de pedófilo? É que você tirou vantagem da minha filha no estado da Flórida quando ela tinha 17 anos… Mas esse cara faz uma música, simpatizando porque ele tem filhos. Você não tem filhos. Você é um maluco.”

Veja o clipe completo abaixo.