Capa YG e Tupac Capa YG e Tupac

Rapper YG afirma que acreditava que Tupac ainda estava vivo

Após encontro com Afeni Shakur, YG diz que mudou de ideia sobre morte de Tupac.

O rapper YG admitiu que por muito tempo acreditou que Tupac estava secretamente ainda vivo até que viu a mãe do cantor desabar sobre o trágico assassinato de seu filho. O nativo de Compton foi ao podcast do comediante Theo Von, This Past Weekend, e falou sobre ter endossado a teoria da conspiração de longa data de que o falecido Tupac, que foi baleado e morto em 1996, estava secretamente vivo e bem.

No entanto, tudo isso mudou quando YG foi convidado a falar sobre o impacto de Tupac durante um painel íntimo de discussão no Grammy Museum, em Los Angeles, em 2015, onde conheceu a mãe da lenda do rap, Afeni Shakur (que faleceu quatro anos depois).

Capa Tupac
Foto: Al Pereira/Michael Ochs Archives/Getty Images

“Eles queriam que eu viesse falar em nome da nova geração, como o impacto do Tupac sobre nós”, lembrou ele. “Eu disse alguma merda e sua mãe veio até mim e estava chorando. Ela disse, ‘Adorei o que você disse sobre meu filho.’ E então ela estava apenas olhando para mim, chorando e dizendo: ‘Eles realmente mataram meu bebê! Eles realmente mataram meu bebê!’”

YG continuou: “Eu fiquei tipo, ‘Caramba!’ Mano, essa merda me ferrou porque pensei que ele estava vivo. Toda a minha vida, mano, pensei que Tupac estava vivo. Mas naquele dia, eu pensei, ‘Mano, ele se foi’. A mãe dele estava chorando na minha cara. Foi uma loucura… Foi triste pra c*ralho, mano. Estávamos de mãos dadas e tal… Tirei uma foto com ela quando estávamos conversando.”

O rapper sempre falou sobre a influência de 2Pac em si mesmo e no Hip Hop como um todo, e ficou furioso em junho depois que o rapper de “All Eyez On Me” finalmente recebeu uma estrela na Calçada da Fama de Hollywood. “Eles levaram mais de 25 anos para dar a Tupac uma estrela na Hollywood Blvd? Vocês o f*deram até o fim”, tuitou YG na época.